HomeCuriosidadesHappy hour diferente harmoniza cervejas e petiscos exóticos (insetos)

Happy hour diferente harmoniza cervejas e petiscos exóticos (insetos)

O programa é ideal para quem procura experiências diferenciadas

Tenébrios ao toque de tequila, limão e sal ou vinagre e sal; grilos desidratados temperados com pimenta preta e Bourbon; Canapés de farinha de grilo com presunto cru e queijo gorgonzola e quibes de farinha de grilos ou tenébrios – tudo harmonizado com as melhores cervejas do mundo. Sim, você leu certo! Este é o cardápio do Happy Hour promovido pela Safari Insetos para apresentar a riqueza de nutrientes desses insetos e demonstrar como, na prática, o consumo pode ser bem mais agradável do que imaginamos.

Kibe com farinha de grilo

Desde 2015, a Safari Insetos produz e comercializa insetos como tenébrios, grilos e baratas para o mercado pet (especialmente voltado para aves, peixes, roedores e répteis), mas agora trabalha na produção de farinhas de insetos, também ricas em proteínas, com o objetivo de disponibilizá-las no mercado, assim que as leis brasileiras permitirem.

A Safari nasceu da vontade do proprietário, Eduardo Matos, de alimentar seus pets com opções naturais. “Comecei com uma produção pequena, para alimentar as tartarugas em casa. Aos poucos, os amigos foram se interessando e percebi que havia espaço para um negócio. Agora, com o mercado e fornecimento para pets estabelecidos, estamos focados na produção de farinhas de insetos, tanto para animais quanto, futuramente, para consumo humano”.O grande atrativo, informa Eduardo, é o valor nutritivo dos insetos. “Os grilos têm 60% de proteína, ao passo que a carne bovina, por exemplo, não passa de 20%”. Os insetos possuem baixos níveis de gordura do colesterol, são de alta digestibilidade pois os nutrientes quando ingeridos pelo homem são prontamente “quebrados” e ainda possuem vitaminas, sais minerais e energia.

Para o Happy Hour, Matos preparou os insetos desidratados: tenébrios com sal e vinagre, tenébrios com tequila, sal e azeite e grilo temperado com sal, pimenta preta e bourbon. Para o quibe, usou a farinha de grilos, além de canapés de farinha de grilo com presunto cru e queijo gorgonzola.

A harmonização ficou por conta do sommelier Marcos Santos. Ele conta que harmonizar os petiscos de insetos não é muito diferente dos quitutes mais tradicionais, e que é necessário observar outras coisas, como os temperos. “Não é simplesmente o inseto, mas o modo como foi preparado e servido”, explica.

Para os tenébrios com sal e vinagre ou com tequila, sal e azeite, o ideal é harmonizar com cerveja estilo Pilson ou Witbier. Já os kibes podem ser consumidos junto com cervejas estilo Dry Stout ou Irish Red Ale. Para o canapé o ideal é harmonizar com cerveja estilo IPA (India Pale Ale) – vale ressaltar que o sabor principal do canapé deve ser o queijo gorgonzola. Para finalizar, o grilo com sal, pimenta preta e Bourbon pode ser servido com cerveja estilo Quadrupel ou Belgian Strong Dark Ale.

 

 

Sem pressão

Culturalmente, o consumo de insetos no Brasil ainda causa estranheza, ao contrário dos países asiáticos, onde a prática é comum. A ideia do Happy Hour, segundo Matos, é para aproximar o público desse costume, de maneira lúdica e sem forçar a barra. “Algumas pessoas estranham, mas o petisco combina perfeitamente com a bebida, os temperos são conhecidos, então todos acabam aderindo e voltando”, conta Matos.

 

Sobre a Safari Insetos

Todos os insetos da Safari são produzidos em uma fazenda localizada em Piracicaba, interior de São Paulo. A criação possui Título de Estabelecimento Relacionado, com aprovação do Ministério da Agricultura e responsável por assegurar a qualidade de produtos de origem animal comestíveis e não comestíveis destinados ao mercado interno e externo.

 

Informações para a imprensa:

Fonte Comunicação: (19) 3794-8902

Comentários